terça-feira, 31 de maio de 2016

Internet Art



Com um mundo tão cheio de informações e transformações, um ano está sendo pouco para absorvermos e alterarmos nossos conteúdos culturais. Ainda a pouco, buscando material de arte contemporânea para apresentar aos meus alunos, me deparei com algo que não conhecia ainda... Internet art. Imaginava que o termo Arte Digital daria conta de abarcar tudo que fosse relacionado a esse tipo de produção gráfica. Engano. Era preciso realmente um outro termo para definir algumas obras que inclusive já estão sendo vendidas como tal. Darei uma explicação bem básica pelo pouco que encontrei na própria net, com a promessa de pesquisar um pouco melhor sobre o assunto para abordá-lo de forma mais precisa em post futuro.
Por ora, vamos ao conceito:
Como o próprio nome sugere, Internet art é uma forma de arte distribuída via Internet. Isso quer dizer que ela depende totalmente da rede para existir já que tem como uma das principais característica a interação do espectador com a obra de arte.
O termo não pode ser confundido simplesmente com uma arte que foi digitalizada e enviada para ser visualizada através da internet. Esse gênero aproveita os aspectos de uma interface interativa e conectividade, podendo ser criada em uma variedade de meios: através de sites, projetos de e-mail, projetos de software original baseado na Internet (as vezes envolvendo jogos) vídeo, obras de áudio ou rádios interativos e/ ou de streaming, etc.
Com a Internet art o artista se transforma em um criador de obras não finalizadas,  passíveis de uma intervenção coletiva, e o usuário encontra a possibilidade de se tornar um participante ativo do projeto. 

Para compreender melhor, confira os links abaixo:
(Obs. cada link é uma obra e você precisa mexer o cursor para que a obra se complete)


Até breve
Carla Camuso


FONTE:
Rafaël Rozendaal – Official Website
http://www.newrafael.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário