domingo, 22 de julho de 2018

O que o futuro traz às cidades?



Foto: Studiokca-Skyscraper
É a pergunta que a Trienal de Bruges 2018 propôs aos artistas e arquitetos internacionais para que pudessem criar obras / instalações que refletissem sobre a questão.

Bruges é uma pequena cidade da Bélgica carregada de tradição cultural refletida nas antigas construções, rodeadas por seus  belos canais. Apesar desse aspecto histórico, a Trienal de Bruges é um evento que promove a Arte e o artista contemporâneo.  


Desde 5 de maio - até 16 de setembro de 2018 - estão instaladas quinze obras espalhadas pelo centro da cidade.

Dentre elas uma chamou a atenção por sua beleza "plástica" - eu diria literalmente plástica...

Sim, a obra se trata de uma grande baleia de doze metros de altura saltando da água, construída com cinco toneladas de objetos plásticos coletados nos oceanos Pacífico e Atlântico.

É uma intervenção feita pelo estúdio de design e arquitetura KCA de Brooklin (USA)

Obviamente a intenção da obra é provocar uma reflexão sobre a quantidade de lixo que o ser humano está descartando em nossos mares e como isso está afetando todo o ecossistema.


Assim, essa grande baleia azul foi uma resposta bem contundente ao enunciado. O futuro é mergulharmos no excesso de lixo que está sendo jogado diariamente nos mares e oceanos sem nenhuma preocupação com a educação da população quanto ao seu controle ou reaproveitamento
Afinal, essa é uma das mais importantes funções da arte contemporânea: gritar para o mundo quão grande tem sido os problemas no âmbito social, cultural e ecológico gerados pela humanidade. O futuro somos nós que construímos.

Foto: Studiokca-Skyscraper


Saudações artísticas
Carla Camuso🌿


Fontes e maiores informações:
http://www.incredibilia.it/
https://triennalebrugge.be/en/

Nenhum comentário:

Postar um comentário